Mais de 4 mil notícias de violência contra a mulher em 10 anos

G1 reúne mais de 4 mil notícias de violência contra a mulher em 10 anos

Veja as reportagens publicadas de 2006 até julho deste ano.
Eloá, Mércia, Luiza Brunet... Relembre os casos emblemáticos.

           Mosaico - violência contra a mulher (Foto: Arte/G1)
                           Mulheres vítimas de violência em todo o país (Foto: Arte/G1)"Violentamente espancada", "ferida com golpes de facão", "amarrada dentro da própria casa", "incendiada pelo marido". A violência contra a mulher está presente em todos os estados, em todos os estratos sociais. Nos 10 anos da Lei Maria da Penha, o G1 compilou reportagens publicadas de 2006 até julho de 2016 – período que compreende a vigência da lei. São 4.060 textos, que reúnem histórias de mulheres agredidas, estupradas e mortas por maridos, companheiros, namorados ou ex-parceiros
Enquadrar o agressor na lei é decisão da Justiça, mas as inúmeras violências que chegam a ser noticiadas ilustram como ela está presente na vida das mulheres.
Motivados por ciúmes, para punir traições ou contra o fim de relacionamentos, parceiros vivem uma rotina de agressões que podem terminar em morte.
Na maior parte das notícias, as mulheres não têm a identidade revelada e são poucos os casos em que há informação sobre o que aconteceu com a vítima após a agressão – quando ela sobrevive – ou se o agressor foi punido.
Fonte: Do G1, em São Paulo

Comentários