Banda potiguar 'AK-47' lança CD autoral no Festival Dosol

Banda potiguar 'AK-47' lança CD autoral no Festival Dosol

Show acontece às 16h30, no Armazém Hall, na Ribeira.
Trabalho autoral é fruto de um trabalho de nove anos da banda.


07/11/2015 07h00 - Atualizado em 07/11/2015 07h00

Banda potiguar 'AK-47' lança CD autoral no Festival Dosol

Show acontece às 16h30, no Armazém Hall, na Ribeira.
Trabalho autoral é fruto de um trabalho de nove anos da banda.

Do G1 RN
Show da banda AK-47 acontece às 16h30, no Armazém Hall, na Ribeira (Foto: Diego Marcel)Show da banda AK-47 acontece às 16h30, no Armazém Hall, na Ribeira (Foto: Diego Marcel)









No próximo domingo (8), a banda potiguar AK-47 lança oficialmente o primeiro CD autoral, intitulado “Anemola”, no Festival Dosol, em Natal. O CD é fruto de um trabalho de nove anos e que mistura músicas que fizeram parte de todas as fases da banda. O show acontece às 16h30, no Armazém Hall, na Ribeira.
O “Anemola” contém 12 faixas autorais. O registro aborda politicamente a modificação corporal, os direitos humanos, religiosidade, sistemas hegemônicos, colonização e outros temas. O som pesado e visceral cria um ambiente propício para os já conhecidos shows performáticos encabeçado pelo vocalista Juão Nin.
Apesar de ser o primeiro CD da banda, o grupo já havia lançado um EP em 2009 com cinco faixas intitulado “A Rainha na Terra dos Decapitados", que levou a banda das apresentações em colégio para festivais como MADA (RN), Palco do Rock (BA) e Open Circle (Suíça). A apresentação será a primeira desde que o grupo fez a participação na Virada Cultural de Natal, em 2014.
Apesar dos seis anos sem registros oficiais, o grupo permanece ativo mas com outra proposta. “É difícil tocar em Natal porque o retorno financeiro é baixo. Também não há políticas públicas voltadas para a área da música. Como uma banda pesada, provocadora, pode existir sem uma base de apoio? Não nos propomos a ser mero entretenimento, tentamos tirar o espectador da posição passiva a qual ele é condicionado. É guerrilha”, provocou o vocalista Juão Nin.
"Anemola traz não apenas composições recentes como também músicas produzidas ainda no início da carreira, em 2006. “As novas e as velhas músicas de alguma maneira foram todas construídas de forma contínua, então não vemos muita diferença. Elas abarcam nossa narrativa original, o problema é saber se depois delas virão outras. Apesar delas terem sido construídas até 2011, achamos as canções de cunho bem atual”, encerrou o vocalista.
Serviço
Festival Dosol
AK-47 - Palco Petrobras (Armazém Hall), rua Chile, Ribeira
Data: 08/11/2015
Horário do show: às 16h30
Preço: R$ 20 (até às 19h)

Comentários