NÍSIA FLORESTA PARTICIPAR NA FETARN da reunião do Conselho Deliberativo

 FETARN realiza reunião do Conselho Deliberativo


 Cerca de 100 dirigentes sindicais participaram do evento no auditório da Fetarn.
 
Com a participação de aproximadamente 100 dirigentes sindicais filiados a Fetarn e de diversas autoridades, entre elas, o secretário de Assuntos Fundiários e Apoio a Reforma Agrária, Raimundo Costa; o deputado Fernando Mineiro, Olavo Ataíde (representando a senadora Fátima Bezerra), a Coordenadora da Regional Nordeste da Contag, Joana Almeida, a presidente da CUT no RN, Eliane Bandeira e o assessor direto da Secretaria Geral da Presidência da República, José Claudionor, teve início na manhã desta terça-feira (22), no auditório da Federação, na Cidade Alta, o Conselho Deliberativo da entidade.    
Diretores da Fetarn e autoridades presentes.
Durante a abertura política do evento, o deputado Fernando Mineiro, ressaltou a importância do decreto governamental que determina que 50% do fornecimento do Programa do Leite sejam provenientes da agricultura familiar. Por fim, elogiou a atuação da Fetarn, na pessoa de Antônia Dantas, secretária de mulheres da entidade, na Marcha das Margaridas, maior evento de luta feminina e feminista da América Latina.

Já o secretário de Assuntos Fundiários e Apoio a Reforma Agrária, Raimundo Costa, reafirmou o compromisso do governo estadual com o homem e a mulher do campo. “O Decreto relativo ao Programa do Leite reafirma o compromisso do governo com a agricultura familiar e com as reivindicações feitas pela Fetarn no Grito da Terra”.
Raimundo Costa reafirma o compromisso do governo com a agricultura familiar.
 
Após a abertura oficial do evento, o assessor jurídico da Fetarn, Marcos George fez uma explanação sobre a ratificação das alterações estatutárias da federação. “Para se adequar ao novo momento político e jurídico, a entidade que há mais de 50 anos luta pelos direitos do homem e da mulher do campo está mudando sua nomenclatura, passando a se chamar Federação dos Trabalhadores, Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Rio Grande do Norte”, explicou.

Marcos George fala sobre alterações estatutárias.
 
Durante o período da tarde, a assessoria do Governo Estadual fez uma apresentação sobre o Decreto 25.447, que regulamenta o Programa do Leite no Rio Grande do Norte, seguida de encaminhamentos sobre a continuidade das negociações da pauta do Grito da Terra Estadual, em especial das questões emergenciais de enfrentamento a seca e de convivência com o semiárido.

Finalizando a programação do primeiro dia do evento, ocorreu um debate sobre a alteração do estatuto da entidade com o objetivo de garantir a paridade de no mínimo 50% dos cargos administrativos ocupados por mulheres e de 30% da renovação dos cargos efetivos.

“O primeiro dia do evento foi bastante proveitoso. Amanhã daremos continuidade a pauta, inclusive com a escolha dos 16 delegados e delegadas que irão representar a federação na 4ª Plenária Nacional de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais em Brasília”, afirmou o presidente da Fetarn, Manoel Cândido da Costa.
Fala de Manoel Cândido da Costa, presidente da Fetarn.

  Também na quarta (23) haverá a discussão do “Plano Sustentar” através do Sistema Informatizado de Gestão Administrativa e Financeira da Contag; apresentação, deliberação e votação da previsão orçamentária da Fetarn para 2016, além da proposta de ação coletiva para trabalhar a nulidade dos empréstimos consignados dos pensionistas, aposentados e aposentadas rurais.  

Comentários