Força Nacional e PM chegam em NÍSIA FLORESTA ao maior presídio do RN para evitar novo motim

Força Nacional e PM chegam ao maior presídio do RN para evitar novo motim

Objetivo é retomar o controle de duas unidades prisionais em Nísia Floresta.
Sistema prisional, em calamidade pública, já teve rebeliões em 14 unidades.



18/03/2015 13h58 - Atualizado em 18/03/2015 14h59

Força Nacional e PM chegam ao maior presídio do RN para evitar novo motim

Objetivo é retomar o controle de duas unidades prisionais em Nísia Floresta.
Sistema prisional, em calamidade pública, já teve rebeliões em 14 unidades.

Do G1 RN
Homens da Força Nacional chegaram ao maior presídio do RN nesta quarta (Foto: Magnus Nascimento/Tribuna do Norte)Homens da Força Nacional chegaram a Alcaçuz nesta quarta (Foto: Magnus Nascimento/Tribuna do Norte)
Homens da Força Nacional e do Batalhão de Choque da Polícia Militar (BPChoque) chegaram no início da tarde desta quarta-feira (18) à Penitenciária de Alcaçuz, maior complexo prisional do Rio Grande do Norte, e ao Presídio Rogério Coutinho Madruga, localizados na cidade de Nísia Floresta, na região metropolitana de Natal. O objetivo da ação é evitar novos motins nas duas unidades e retomar o controle de Alcaçuz que, desde a primeira rebelião na última quarta-feira, o estado não tem acesso.

Comentários